Programação

MURILO COUTO – GRAVAÇÃO DE ESPECIAL – 26 DE AGO

Neste show, Murilo Couto compartilha momentos constrangedores da sua vida e divide com o público sua preocupação sobre o nível de burrice que ele se encontra aos 34 anos. “As piadas desse show são bem focadas em mim mesmo. Conto histórias desde a minha infância até os dias de hoje. Falo de como a feiura me ajudou profissionalmente, do meu primeiro beijo, da minha dificuldade com documentos…Tudo bem vergonhoso”, admite. E para quem tem dúvidas de aceitar o convite para assistir a gravação do novo especial e “rir da desgraça alheia”, MURILO manda um recado: “depois não quero chororô de quem perdeu o maior show da história do planeta.”

Classificação

14 anos

Horários

Sex 20h e 22h30

Temporada

26 de Agosto

ELAS BRILHAM – VOZES QUE ILUMINAM E TRANSFORMAM O MUNDO – ESTREIA 29 DE OUTUBRO

Após visitar os embalos da jovem guarda em “60! Década de Arromba” com Wanderléa e emocionar público e crítica com “70? Década do Divino Maravilhoso” com as Frenéticas e Baby do Brasil, a dupla de criadores Frederico Reder e Marcos Nauer retornam ao gênero DOC.MUSICAL, criado por eles, para contar a histórias de mulheres que mudaram o mundo no espetáculo “Elas Brilham – Vozes que Iluminam e Transformam o Mundo”. Em cena, sete atrizes do teatro musical narram a história de vozes femininas que quebraram estereótipos, venceram o sexismo e abriram as portas para o futuro da humanidade.

Do soul de Aretha Franklin ao funk de Anitta, passando por Rita Lee, Elis Regina, Dona Ivone Lara, Beyoncé e o feminejo de Marília Mendonça, ELAS são cantoras, mas também são escritoras, pintoras, donas de casa e tudo mais que se propuseram a ser. Afinal, lugar de mulher é onde ela quiser. Para apresentar ao público essas mulheres potentes, os criadores recorreram a um processo criativo diferente dos espetáculos anteriores.

“Estamos experimentando uma cocriação com as sete mulheres do elenco e as mulheres criativas da ficha técnica de onde sairá o roteiro final da peça. Eu e Fred somos apenas os facilitadores do processo. Elas são as roteiristas e protagonistas dessa história feita com elas e para elas.” – conta Marcos Nauer.

O espetáculo é apresentado pela BRASILPREV, tem patrocínio da MOMENTA FARMACÊUTICA e LORENZETTI e o apoio da ENESA, TELEPERFORMANCE, TENDA ATACADO, GRUPO TBE/ALUPAR, CLARO, CSU e ESTAPAR.

Classificação

Livre

Horários

Curta Temporada

Temporada

ESTREIA 29 DE OUTUBRO

GREASE – O MUSICAL – CURTA TEMPORADA

Na Califórnia de 1959, a popular Sandy e o metido Danny se apaixonam e aproveitam um verão inesquecível na praia. Quando voltam às aulas, eles descobrem que frequentam a mesma escola. Danny lidera a gangue do Burguer Palace Boys, um grupo que gosta de jaquetas de couro e muito gel no cabelo, e Sandy passa tempo com as Pink Ladies, lideradas pela firme e sarcástica Rizzo. Quando os dois se reúnem, Sandy percebe que Danny não é o mesmo por quem se apaixonou e, por isto, ambos precisam mudar caso queiram ficar juntos.

Classificação

12 anos

Horários

Qui e Sex 21h | Sáb 16h e 21h | Dom 19h

Temporada

Curta Temporada

BIBI – UMA VIDA EM MUSICAL – ESTREIA 02 DE SETEMBRO

BIBI, Uma Vida em Musical, escrito por Artur Xexéo e Luanna Guimarães, sob direção geral de Tadeu Aguiar, que teve estreia nacional em 5 de janeiro de 2018, no Teatro Oi Casa Grande, no Rio de Janeiro, com temporada de 03 meses, temporada em São Paulo de 02 meses e turnê por 07 capitais brasileiras, sendo sucesso de público e crítica. Com 110 indicações a prêmios, conquistando 45 premiações, entre elas: Prêmio Cenym (Melhor Musical e Coreografia), Prêmio Cesgranrio (Melhor Atriz), Prêmio Aplauso Brasil (Melhor Musical e Melhor Atriz), Prêmio Imprensa Digital (Melhor Musical, Melhor Atriz, Melhor Ator), Prêmio Bibi Ferreira (Melhor Atriz e Melhor Direção Musical), Prêmio Reverência (Melhor Atriz e Melhor Direção Musical), Prêmio Shell (Melhor Figurinos), Prêmio Broadway Award Brasil (Melhor Musical e Canções Originais), dentre outros.

Apresentado pelo Ministério do Turismo e Circuito Cultural Bradesco Seguros, através da Lei de Incentivo à Cultura , o musical é uma realização da Negri e Tinoco Produções Artísticas .

“Não consigo lembrar de mim fora do teatro”, assim se descrevia Bibi Ferreira. Nada mais justo do que no palco contar a história da sua vida e comemorar o seu centenário”.

Classificação

10 anos

Horários

Qui, Sex e Sáb 20h30 | Dom 19h

Temporada

CURTA TEMPORADA

O MÁGICO DE OZ – ESTREIA 10 DE SET

O Mágico de Oz, dirigido por Billy Bond, foi um dos primeiros grandes musicais a chegar ao Brasil, com estreia realizada em setembro de 2003, em São Paulo. Naquele tempo o espetáculo já contava com mais de quarenta pessoas em cena, cenários rotativos, e figurinos lindíssimos. Pela primeira vez na história, a Revista Veja SP lançou quatro capas, cada uma com um dos principais personagens do espetáculo.

O musical transporta para o palco a obra de L. Frank Baum, de 1900, criador de um dos mais populares livros escritos na literatura americana infantil. Trata-se da história de Dorothy e seu cãozinho Totó, que são levados por um terrível ciclone de uma fazenda no Kansas, nos Estados Unidos, até o Mundo de Oz. Uma terra mágica e distante, além do arco-íris. O filme, de mesmo título, é conhecido como um dos primeiros filmes no cinema a usar bem as cores, em uma época onde quase tudo era preto e branco. Foi também considerado o melhor filme musical de todos os tempos, pelo American Film Institute.

Após quase 20 anos em cartaz, entre indas e vindas em turnês pelo Brasil, e países como Chile e Argentina, o espetáculo volta a capital paulista para celebrar o centenário da atriz Judy Garland, que marcou a história do cinema de maneira única, interpretando a doce Dorothy. Cantora, atriz e uma das maiores artistas que o mundo já viu, Garland completaria 100 anos, e nem um século inteiro consegue apagar esse brilho além do arco íris.

direção é do mestre Billy Bond, artista italiano considerado um dos mais talentosos diretores de musicais em atividade no Brasil, responsável por produções como Les Misérables, Rent, O Beijo da Mulher Aranha, Um dia na Broadway. E espetáculos que encantam muitas famílias há anos, como Cinderella, Alice no País das Maravilhas, Peter Pan, Natal Mágico, A Bela e a Fera entre outros.

 

Superprodução.

Se o espetáculo já era impressionante quando estreou, imagina agora com tantas tecnologias disponíveis. Com diálogos e músicas cantadas em português, criadas especialmente para esta versão, o musical é rico em efeitos especiais, como o vento produzido por ventiladores de grandes dimensões que fazem o público se sentir como a menina Dorothy: dentro de um ciclone.

Entre os recursos cênicos que transportam o espectador para o interior da cena, destaque para os telões de led de altíssima resolução e projeções de mapping, além de equipamentos em 4D, usados para envolver e encantar a plateia, como efeitos especiais que simulam folhas secas de papoulas caindo, além do perfume das flores e outros aromas da floresta.

A produção do musical conta com 200 profissionais, entre eles 40 atores e técnicos. O espetáculo reúne mais de 100 figurinos, trocas de cenários, cinco toneladas de equipamentos e outros efeitos visuais.

 

 

FICHA TÉCNICA

Adaptação: Billy Bond e Lilio Alonso

Diretor geral de dramaturgia: Billy Bond e Andrew Mettine

Direção de Produção: Andrea Oliveira

Direção de Cena: Marcio Yacoff

Coreografia: Ítalo Rodrigues

Direção Vocal: Thiago Lemmos

Direção Musical: Bond e Villa

Designer de som: Paul Gregor Tancrew

Designer de luz: Paul Stewart

Figurinos: Carlos Alberto Gardin

Realização de Figurinos: Anna Cristina Cafaro Driscoll, Benedita Calistro, Hilda de

Oliveira, Israel Alves.

Cenários e Adereços: Silvio Galvão

Transporte de Figurino: Amilton Rodrigues de Carvalho e Caio Bragha

Makes e Caracterização: Feliciano San Roman

Perucas e postiços: Inês Sakai, Eurico Sakai

Efeitos especiais: Gabriele Fantine

Filmes e animações: George Feller e Lucas Médici

Mappings: Nicolas Duce

Fotos: Henrique Tarricone e Chico Audi

Diretor técnico: Ângelo Meireles

Classificação

Livre

Horários

 Sáb 16h | Dom 15h30

Temporada

Estreia 10/09

Receba nossa programação

Receba nossa programação

Realização:

Rua Olimpíadas, 360 – Vila Olímpia
Shopping Vila Olímpia – 5º piso

Bilheteria:
De 2ª a sábado, das 10h às 22h
Domingos e feriados das 12h às 20h.

Telefone:  (11) 3448-5061  

Preencha o formulário e fale conosco:

Localização

Realização:

Rua Siqueira Campos, 143 – Copacabana
– Shopping Cidade Copacabana – 2º piso

Bilheteria:
Segunda à Sábado das 10h00 às 22h00
Domingos e feriados das 11h00 às 21h00

Telefone: (11) 3448-5061  

Preencha o formulário e fale conosco:

Localização